quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Entreguei a cozinha ao marido

Domingo cozinhei algumas coisas: um pudim, que voltou a não ficar bom, bacalhau à Brás, que deu para os meus almoços de segunda e terça, fiz também uma carne com cogumelos e castanhas, para despachar restos, que não ficou nada boa mas foi feita, no forno, ao mesmo tempo do pudim, por fim, fiz também uma canja com legumes (cenoura e couve portuguesa), para o nosso jantar de domingo.
Cozinhei tanto que a cozinha ficou um caos. Resultado: o marido passou-se e eu também! Resultado 2: passei-lhe a tarefa dos cozinhados, vamos ver como corre!!!

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Serei só eu?

Serei só eu que acha que a televisão não passa nada de jeito?
Não é a primeira vez que aqui falo do assunto mas, cada vez isso me "aflige" mais porque vou ficando cada vez com tempo livre mas não tem sido a televisão que me tem ocupado os tempos livres.
Há dois ou três programas, em todos os canais, que me "enchem as medidas" mas, de resto não há nada de jeito.
Se calhar, é desta que começo a ver séries, vamos ver!!


segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

O admirável mundo (consumista) dos bébés

Quanto casei, percebi que tudo o que quisesse comprar, se dissesse que era para casamento/noiva, ficava logo mais caro.
É o tal consumismo que eu tanto abomino, como o Natalinho, o dia dos namorados, etc, etc

De há uns tempos para cá, percebi que se quisermos comprar o mundo para os nossos bébés, isso é possivel!!
Vou tentar não ter um bébé muito consumista mas já percebi que não é fácil fugir a certas tentações. Veremos, porque já percebi que um bébé muda, e muito, uma pessoa, uma vida e uma forma de pensar!!!

sábado, 13 de janeiro de 2018

Depois do parto

Eu bem que tento que este blog não se torne um blog apenas sobre o bébé que aí vem, mas, acham que é fácil não viver quase em exclusivo sobre esta questão? Pois, é quase impossível!
Por isso mesmo, e como eu gosto muito da Catarina Beato e a sigo matematicamente, aqui vai um artigo que veio mesmo a propósito.
Boas leituras!!!

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Sobre não ler

Não é preciso repetir que os meus hábitos de leitura estão mortos e enterrados há anos porque toda a gente já sabe.
Mas, se eu voltar a ler, de certo que serão biografias, porque é um tema do qual gosto particularmente, basta pensar que um dos meus programas de televisão favoritos é o Alta Definição, onde se fala da vida das pessoas.
Portanto, se alguém quiser começar a pensar no meu presente de aniversário, para outubro, fica a ideia.

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Em constantes mudanças

Estamos nesta casa, vai fazer 4 anos, em março.
Pode-se dizer que, durante este tempo, as diferenças são enormes:
- a parede vermelha do nosso quarto, está branca
- uma parede branca da sala, é hoje verde
- o sofá não é o mesmo, o antigo mudou de sítio e depois foi vendido
- a televisão da sala passou para o quarto e temos uma maior na sala
- o fogão, o forno, a máquina da roupa e o microondas, já foram subistuídos
- o Marquinho construiu um telheiro no terraço
- a mesa e as cadeiras da cozinha, também "foram embora", agora comemos numa "camilha"
- o móvel onde tínhamos a televisão, serve agora para detergentes e temos um novo para a televisão
- a mudança maior ocorreu mesmo no 2º quarto e nas últimas semanas, onde tínhamos um móvel com portas, uma cama grande e imensa tralha minha e, agora, temos uma cómoda amarelada, construída cá em casa, um berço pronto a montar e, em breve, também um roupeiro.

Estas mudanças ocorreram ao longo de 4 anos e por vários motivos mas, de facto, estamos mesmo sempre a mudar e não há mesmo volta dar: se assim o entendemos, lá nos livramos hoje duma coisa, amanhã de outra, e é um facto, o OLX, ajuda mesmo muito nessas mudanças.


Cómoda para as roupas da Maria

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Alguns dos muitos presentes que a Maria já recebeu








Estou grávida de 27 semanas, quase 7 meses e, como devem imaginar, os presentes que têm chegado cá a casa, são mais que muitos.
Fiz anos em outubro e logo aí, recebi duas roupinhas, ainda nem se sabia o sexo, portanto, uma branca e outra cinzenta.
Antes do meu aniversário, a tia Nela já tinha oferecido uma blusinha, por gracinha, para me espicaçar porque eu não comprava nada. E não comprei mesmo roupa nenhuma até ao passado sábado em que finalmente encontrámos uma roupa que gostámos e que será a sua primeira, entre outras peças.
No entanto e no âmbito da preparação do quarto e da chegada em concreto da bébé, já comprámos muitas outras coisas.
Mas, neste Natal, choveram mesmo muitos presentes para a Maria, costumo dizer que ela já tem mais coisas, que nem eu nem o pai tivemos.
Aqui em cima podem ver algumas roupas e outras coisas giras, como o Livro do Bébé (que eu não conhecia e é muito giro), que são uma pequena parte das coisas oferecidas.

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

Ter um filho é também fazer muitas escolhas

Isto eu já sabia mas só agora tomei mesmo a plena consciência.

O nome: sempre dissemos que não seria nada fácil. Logo no início, tínhamos em mente uma pequena lista de nomes para rapaz e outra para rapariga.
Assim que soubemos que seria menina, chegamos muito rapidamente ao nome: Maria.
E Maria vai ser. Por agora, só Maria, até abril, ainda vamos pensar seriamente no caso de ter mais algum nome ou não.

Por outro lado, quase todos os bébés têm padrinhos, também há uma parte que não tem.
Nós não somos extremamente religiosos mas ambos temos padrinhos e decidimos seguir o exemplo.

O padrinho da Maria já foi convidado e aceitou de imediato.
A madrinha da Maria já temos praticamente a certeza de quem será, temos este assunto então para "arrumar", tal como as outras dezenas de assuntos que temos de encerrar até abril.

Para encerrar esta questão dos padrinhos, deixem só que vos diga que um padrinho e uma madrinha, diz-me que devem tomar conta da criança no caso de faltar o pai ou a mãe ou ambos. Escolhemos os padrinhos por amizade, empatia e sim, sabemos se isso acontecesse, tomariam conta. Mas, obviamente que nunca pensamos que isso possa acontecer mas, de facto, convidar um padrinho para o nosso bébé é mesmo uma emoção!!!

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

A organização que tento seguir

Eu gosto mesmo muito de ter tudo muito organizado, tipo, quando se demora imenso tempo a combinar um passeio/uma saída/um jantar, isso enerva-me bastante.
Por exemplo, eu devo ser das primeiras pessoas a falar do Secret Santa, para saber com muita antecedência quem será a pessoa a quem irei dar o presente. 
No entanto, nem tudo o que ambicionamos corre como pretendemos. Só para se rirem: este ano, comprei a minha prenda do Secret Santa no próprio dia, não é cómico? No fundo, eu até tenho vergonha mas, por vezes, os planos que só dependem de mim, saem furados, imaginem aquilo que não depende só de mim!!!
Isto tudo para dizer que, para executar nas "férias do Natal", fiz uma lista de tarefas: deixei duas ou três pendentes, o que não foi mau.
Ah, ainda numa de organização: ainda não tenho agenda para 2018, o que me tem tirado alguns minutos de sono, confesso!!

domingo, 7 de janeiro de 2018

Menú semanal

Parece que se trata de um aspecto que já esteve mais longe cá de casa.
Daqui a uns meses, seremos três a comer todas as refeições cá em casa, muito diferente de sermos dois, por vezes em dieta, ou a comer porcarias e produtos processados constantemente.
Hoje fiz sopa, não fiz um bolo por solidariedade com a dieta do marido, fiz o meu almoço para terça-feira e decidi outras refeições a fazer durante esta semana, com o que me resta no frigorífico e no congelador.
Tenho bacalhau cozido que sobrou do jantar de ontem que dá para fazer pataniscas para o jantar de amanhã, com a arroz de tomate e douradinhos.
Há espigos de couve para ele almoçar na terça.
Tenho duas postas de pescada, uma que posso fazer de cebolada e outra para fazer uma massa de peixe, com delícias do mar.
Tenho peitos de frango para fazer com cogumelos que me sobram hoje e natas.
Há ainda também bacalhau que posso fazer talvez com broa.
Tenho pato, que posso fazer em arroz de pato, para mim, porque ele já disse que não quer.

Por outro lado, todos os dias leio a escrita da Joana Roque e, tal como ela, também em vou ter um bébé em breve e tenho pensado na possibilidade de fazer ou não refeições ou bases de refeição para congelar, para ter, depois de sair do hospital.
Se chegar a concretizar alguma coisa, logo conto.

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Pudim de ovos

Eu adoro pudim de ovos.
Dantes, a minha mãe fazia e dizia que era muito simples: um litro de leite, 6 ovos e açúcar.
No entanto, a minha mãe coze o pudim de ovos na panela de pressão (MEDO).
Eu até já tinha comprado a forma mas, e a coragem? Até que descobri que o pudim de ovos se pode cozer no forno, em banho maria.
Foi a sobremesa que fiz para o nosso jantar de dia 31.
Esta foi a receita que usei.
E fica a foto com ele já partido, porque me esqueci de tirar antes.
Quanto ao caramelo: nessa parte preciso de treinar um pouco mais.


domingo, 31 de dezembro de 2017

Adeus ano velho, venha o novo!!!

Neste último dia do ano, já ao final do dia, chegou o momento de fazer o "tal" balanço, à semelhança do ano passado.
O que mais destaco neste ano é, inevitavelmente, ter ficado grávida. Pois bem, 2018 promete!!
Em 2017:
- fiz a minha primeira tatuagem
- perdi mais um avô
- tirei muito poucas fotos com o meu Marquinho
- vi muitos espectáculos de música, teatro e dança
- trabalhei muito
- escrevi menos do que queria
- li ainda menos
- ganhei novos amigos e revi outros
- voltei e Guimarães, cidade que sempre me encanta mas, sobretudo porque fiquei num hotel que me encantou muitíssimo
- foi ano de eleições autárquicas, as quais, mais uma vez, vencemos
- este ano não fui à Festa do Avante
- desde maio até meados de setembro, explorámos uma cafetaria, no Convento da Saudação, uma grande aprendizagem
- ganhámos novos inquilinos
- passei q.b, mas podia ter passeado mais
- entre muitas outras experiências
Como já referi, o novo ano promete, a mudança vai ser bem grande, espero continuar a ter tempo de por aqui passar e de contar as novidades da nossa Maria.
Bom ano para os meus leitores e amigos, sobretudo com muita saúde, que é o que desejo para mim, para a minha família e amigos, o resto, vem por acréscimo.

Ficam algumas fotos que ajudam a resumir o meu 2017:

























sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Preparativos

Isto de ter um filho a caminho, muda mesmo muito a nossa vida, já tinha ouvido dizer e é mesmo verdade!!
É o quarto que nunca me tinha imaginado a preparar e que está a caminhar no bom sentido.
São as roupas que temos de comprar ou seleccionar de todos os conjuntos de roupa que todas as nossas amigas com filhas nos fizeram chegar.
São as 333 consultas/exames/análises/preparações para o parto a que temos de ir/fazer e mais umas 45 coisas que eu neste momento ainda não sei.
É a mala para a maternidade que temos de fazer para nós e para a criança.
Mais?
Ah, sim, assimilar 1.555 conhecimentos que até então nem sabíamos que existiam como a forma mais correcta de mudar a fralda (cada um tem a sua) ou o tipo/marca de creme melhor para o nosso bébé.
Bem, dá tudo uma trabalheira que só de me lembrar (sim, porque por vezes ainda me esqueço, só depois volto a terra) já fico cansada.

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Dormir, dormir, dormir

Como sabem, eu adoro dormir, desde sempre, não é nenhuma moda de agora.
Quando não tenho nada a fim de semana de manhã ou num dia feriado, penso logo: boa! vou poder dormir até querer.
Desde quinta-feira da semana passada que tenho podido dormir mas, só no domingo, consegui dormir até tarde, porque nos dias antes acordava à hora de ir para o trabalho.
No entanto, hoje, já meti despertador para me ir mentalizando que os dias de poder dormir até querer estão a chegar ao fim: terça-feira, volto ao trabalho.
Sabe tão bem acordar sem despertador!!!

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

A nossa prenda para a Páscoa

Pois bem, o tempo vai passando e outras novidades vão surgindo.
A nossa menina deverá nascer às 39 semanas, se tudo correr bem, será então lá para depois da Páscoa.

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Então e como vais?

Esta é a pergunta que mais me têm feito.
Agora que já sabem quase tudo, perguntam se ando bem.
Enfim, o pessoal tem sempre uma curiosidadezinha.

Quanto à agenda que eu disse que ia comprar, não comprei.
Quanto ao secret santa, ganhei mesmo que pedi: fraldas e um creme anti-estrias.

O fim de semana passou-se sem eu mexer quase uma palha, mesmo como me tem apetecido.
E agora estou a gastar os últimos cartuchos do trabalho em 2017 para rumar a uma semana de férias, como de costume.

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Secret Santa

Eu não gosto do Natal mas, tenho de dar o braço a torcer, há coisas desta época que gosto: gosto do almoço do Secret Santa com os amigos/colegas/companheiros de há anos, história essa que poderei aqui contar, um dia.
Hoje é o dia e, este ano, tivemos uma ideia de génio: o almoço é cozido!!!!
Há dias que ando à espera deste dia e esse mesmo é um dos motivos.
Depois, há também todo o resto do almoço, as sobremesas, as entradas e a entrega do presente àquela pessoa que nos calhou em sorteio e a quem compramos um presente personalizado.
Depois conto aqui se o cozido me soube bem ou não!!!!

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

(Felizmente) faltam poucos dias para o Natal

Como todos os meus leitores sabem, eu não gosto mesmo nada desta época, então, fico muito contente que já seja dia 14.
Em relação à noite de 24 de dezembro, iremos passá-la, este ano, em casa de amigos, para a qual fomos convidados ainda em outubro e cujo convite aceitámos de bom grado, pois, são amigos de quem gostamos muito, aliás, como todos, senão, não seriam assim considerados.
No dia de hoje (pode haver alterações), prevemos que a passagem de ano seja, a dois, em casa, com praticamente tudo ao nosso gosto.
De resto, espero que o tempo passe rápido e seja dia 2 depressa; lamentavelmente, nesse dia vou fazer análises mas, não há-de ser nada.

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

A minha agenda

Se eu pudesse, programava tudo e mais alguma coisa.
No entanto, há muitas coisas no meu dia a dia que não dependem de mim e que não tornam isso possível.
Para ajudar nessa minha programação diária, necessito de uma agenda e nunca me adaptei às agendas electrónicas.
Dantes, tinha agendas escolares que se iniciavam em setembro e terminavam em agosto.
Desde que comecei a trabalhar, que as minhas agendas são anuais.
Guardo, ainda hoje, todas as agendas que já tive (resistiram a este recente destralhamento que passou lá por casa).
A maior parte das agendas que tive nos últimos anos, foram feitas por mim, ou seja, construídas a partir de cadernos giros.
Estamos em dezembro, altura própria para comprar a agenda para 2018.
Hoje, espero eu, será o dia.
Desta vez, quero uma agenda, pronta a usar, porque costumo comprar daquelas em que ainda temos de inserir as datas e os dias da semana.
Vamos ver o que encontro disponível para comprar.

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Como é belo estar grávida - parte 2

Se, noutros tempos, eu ir a um supermercado significava "perder" metade do tempo nas compras em conversas com pessoas conhecidas, agora então nem queiram saber, faço compras em 5 minutos e fico quase uma hora à conversa, em média.
É mais uma das partes fantásticas da gravidez: contar as novidades a todos os conhecidos e alguns desconhecidos também.

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

5 de dezembro, o dia de submeter

Tenho andado ausente mas, por um grande motivo.
Estive muito ocupada no trabalho, a ajudar na nossa candidatura para obtermos financiamento para os próximos 4 anos!! Um trabalho muito exigente que nem dá para imaginar!!
Entregámos ontem o que quer dizer que, agora, terei mais tempo para outras coisas, como este blog e preparar a chegada da menina que aí vem!!!

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Então e o baby boom que por aí anda?

Quando estás grávida, já tinha ouvido dizer, só vês grávidas à tua volta, sim, é um facto.
No entanto, nas últimas semanas, tive várias agradáveis surpresas de novas crianças que vão nascer em 2018, um segundo bébé de um casal que me disse que estava a tentar e de repente, já estava e mais dois bébés, muito recentes que por factos diversos foram mesmo duas grandes e agradáveis surpresas!
Assim de repente, conheço assim umas 20 grávidas, umas de mais perto, outras que estão longe, umas que vão ter bébé em breve e outras que só lá para junho, venham crianças!!!

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Obrigada, Zé Pedro!

Não Sou O único

Pensas que eu sou um caso isolado
Não sou o único a olhar o céu
A ver os sonhos partirem
À espera que algo aconteça
A despejar a minha raiva
A viver as emoções
A desejar o que não tive
Agarrado ás tentações
E quando as nuvens partirem
O céu azul ficará
E quando as trevas abrirem
Vais ver, o sol brilhará
Vais ver, o sol brilhará
Não, não sou o único
Não, sou o único a olhar o céu
Não, não sou o único
Não, sou o único a olhar o céu Pensas que eu sou um caso isolado
Não sou o único a olhar o céu
A ouvir os conselhos dos outros
E sempre a cair nos buracos
A desejar o que não tive
Agarrado ao que não tenho
Não, não sou o único
Não sou o único a olhar o céu E quando as nuvens partirem
O céu azul ficará
E quando as trevas abrirem
Vais ver, o sol brilhará
Vais ver, o sol brilhará

Zé Pedro

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

A meia desilusão do iphone

Em abril de 2016, o marido ofereceu-me um iphone, uma vez que a bateria do meu telemóvel dessa altura não se aguentava um dia e o iphone era a nossa esperança.
No entanto, já há alguns meses que a desilusão se instalou: todos os dias tenho de o carregar.
Falo em meia desilusão porque, ao nível da funcionalidade, um iphone bate qualquer outro telemóvel/smartphone, sem qualquer dúvida.
Por fim, também vos digo que já me informei com outros utilizadores de iphone: as queixas são as mesmas, o mal é geral, as baterias são uma desilusão...

sábado, 18 de novembro de 2017

Como é belo estar grávida - parte 1

Na quarta-feira fui de autocarro de Montemor para Évora. 
Como não poderia deixar de ser, cheguei à estação em Évora, cheia de vontade de fazer chici. 
Dirigi-me à casa de banho e, assim que entrei, levantou-se uma senhora com farda de senhora da limpeza vestida e que me disse: 
"é preciso meter 0,20€ na porta para poder usar"
abri a carteira, tinha duas moedas de 0,10€, perguntei: "podem ser duas moedas de 0,10€?"
a senhora com farda de senhora de limpeza vestida respondeu: "não, só mesmo uma moeda de 0,20€"
eu perguntei: "pode trocar?" (a senhora estava sentada, sem fazer nada, quando cheguei)
a senhora com farda de senhora de limpeza vestida respondeu: "não, só na bilheteira"
e eu respondi: "então faço nas cuecas"

A minha questão aqui é: eu até entendo que a entidade gestora da estação de autocarros de Évora (e outras, porque sei que não é caso único no país) não queira que as casas de banho sejam usadas e consequentemente sujas por todo o tipo de pessoas, obviamente, as casas de banho deveriam ser exclusivas para os utentes, eu concordo plenamente com isso, e, digo mais, 0,20€, se for de vez em quando, não é dinheiro quase nenhum mas, fica a ideia: e se apresentasse o meu bilhete que demonstrava que eu tinha acabado de sair de um autocarro e a senhora com farda de senhora da limpeza me desse uma ficha igual a uma moeda de 0,20€? até porque há pessoas que andam de autocarro todos os dias e 0,20€Xtodos os dias é muito dinheiro.

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

E a granola da Área Viva do Continente, já vos disse o quanto gosto dela?


Nos meus tempos de dieta e meses depois, a granola da Área Viva do Continente, foi a minha perdição,  ou melhor, a minha goludice.
Depois, o meu rapaz, deixou de me trazer porque estava sempre esgotada.
Na semana passada, voltei a encontrar e trouxe um pacote.
Tem sido o consolo dos meus serões, com iogurte grego, que também já não comia há uns meses.
É mesmo das melhores granolas que já comi, com uma grande variedade e, apesar de tudo, com um sabor bem adocicado.
No entanto, cada 500gr custa quase 4€ mas, vale mesmo a pena experimentar.

terça-feira, 14 de novembro de 2017

cremes vs óleos

O pessoal, em geral, não tem por hábito usar óleos, talvez mais na época da praia e, pouco mais porque, é mesmo fundamental mas é (era) uma chatice porque a toalha fica cheia de óleo e não dá jeito nenhum.
NA semana passada, descobri que se pode colocar óleo no duche e passar de novo água que o óleo já não sai, tornando-se até mais eficaz do que o creme e dá muito menos trabalho.
Isto tudo para dizer que as grávidas devem usar creme anti estrias. Pois bem, pedi às minhas amigas que me oferecessem um no aniversário mas elas ofereceram-me uma coisa melhor e lá fui comprar o dito creme, que ainda não tinha. A senhora da loja perguntou-me se eu queria creme ou óleo (isto passou-se antes de eu saber a vantagem de usar óleo) torci o nariz ao óleo e trouxe o creme que ainda nem abri, se tivesse trazido o óleo, já o tinha usado, uma vez que é muito mais fácil...

domingo, 12 de novembro de 2017

A filha mais velha continua

Segundo a ecografia de sexta-feira, parece que para além de eu ser a filha mais velha, também vou ter uma filha, não sei se mais velha se única, uma vez que percebemos, em definitivo, que, lá para março, teremos cá uma menina!!

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Então e as férias?

As férias foram boas, dentro do que pretendíamos.
Estivemos primeiro no Villa Pampilhosa Hotel, que tal, como o nome indica, fica em Pampilhosa da Serra.
Na quarta-feira mudámos para o  DUECITÂNIA DESIGN HOTEL, em Penela.
Ambos os hotéis foram escolhidos por nós por terem piscina interior e jacuzi e, cada um à sua maneira, foram hotéis bastante aceitáveis.
Quanto a refeições, comemos de tudo um pouco mas, uma vez que não como saladas fora, foi tudo assim pouco para o saudável. A noite do meu aniversário teve direito a um jantar mais requintado com direito à minha sobremesa favorita do momento: cheesecake.
Enfim, foram 4 dias fora de casa, o que é sempre bom e uma experiência que não sei quando irei repetir.

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Eu sou mesmo desbocada e há coisas e pessoas que não perdoo

Durante muito tempo (anos) tive pessoas que me perguntavam se eu estava grávida, só porque estava mais gordinha.
Hoje, não perdoei a uma dessas pessoas, ela passou por mim e eu:
- Oh xxxxx olhe, agora é que estou grávida!! da outra vez que me perguntou, como lhe disse, estava só gorda!!!
ah ah ah

Isto de ser "fazedora de posts" tem muito que se lhe diga

Nem imaginam.
Quando tenho coisas para partilhar, nunca estou "a jeito" de escrever, quando deveria escrever, tenho sono ou o jantar para fazer.
Outras vezes, esqueço-me do que tinha para escrever, quando há duas horas atrás tinha 4 coisas para partilhar.
Isto anda por aqui uma mixórdia muito grande, que vocês nem imaginam.
Mas, como eu sempre prometo, isto vai ter de mudar, os meus leitores não merecem mesmo que eu escreva uma coisinha hoje e volte a publicar outra, umas semanas depois, não pode mesmo ser, tem de haver rigidez nas publicações.

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Destralhar mesmo a sério

Com a chegada de mais um elemento à nossa família, o espaço da nossa casa ficará, inevitavelmente , mais cheio. Então, se a casa, actualmente, já está cheia, vamos ter de a esvaziar e, para que isso seja possível, nada como destralhar, ou melhor, nada como nos livrarmos de coisas inúteis e/ou que não usamos.
Exemplos de coisas que destralhei hoje: roupa que não uso há séculos e nunca mais vou usar, alguns dos 1000 sacos de papel que guardo religiosamente, os 7000 frascos de vidro que insisto em não deitar para o ecoponto e algumas caixas de plástico (poucas). Enfim, sei que se trata de uma pequena lista mas, nos próximos dias, a tarefa vai continuar: espera-me a dura tarefa de levar o arquivo da minha licenciatura para a casa dos meus pais, lugar, alias, de onde não deveriam ter saído.

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

35 anos

Pois bem, parabéns a mim que hoje faço 35 anos.
Parece que estou um pouco traumatizada com esta conta meio redonda, mas, se calhar, estou mesmo.
Por um lado, 35 anos de uma vida significa experiência e um longo caminho percorrido mas, se o caminho já foi longo, significa que já não há assim tanto pela frente; ou, até pode haver, mas isso 
é coisa que nunca se sabe.

Faço 35 anos e realmente lembro-me bem de tanta coisa que já vivi, umas boas, outras menos boas, é certo, mas, o que mais me marca é o facto de haver coisas que me lembro m-e-s-m-o-l-á-m-u-i-t-o- l-o-n-g-e: como os tempos da escola primária ou o casamento da minha madrinha onde fui menina das alianças, onde fiz uma birra e onde se dançou ao som das músicas dos Gipsy Kings.

Fazer 35 anos, em princípio, deverá significar ter uma vida mais ou menos organizada e ter já uma certa responsabilidade e talvez ter um (ou dois) seres dos quais somos responsáveis. Sim, é mais ou menos isso.
Vamos lá viver os 35!!!

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Parece que (de pé) vou deixar de ver os pés

Pois bem, parece que temos uma novidade em grande.
E, antes que perguntem, aqui vão as respostas a todas as perguntas:
- tens enjoado muito? depende do que se considera enjoar mas sim, de vez em quando estou meio enjoada mas nunca vomitei.
- tens muito sono? eu sempre tive muito sono, quando mais durmo, mais quero dormir, mas, sim, realmente, agora durmo ainda mais, às 21h estou sempre pronta para dormir.
- nasce quando? deve nascer lá para o final de março, vai ser carneiro de signo
- já sabes se é menino ou menina? não, ainda não sei mas gostávamos que fosse um menino
- ah, tem é de vir com saúde! sim, tem é de vir com saúde!!!


e pronto, têm sido assim as minhas últimas semanas!!!

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Vamos ser quatro lá em casa















ilustração de Hermínia Santos







quarta-feira, 18 de outubro de 2017

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Sobre fazer anos

Falta pouco mais de uma semana para eu fazer anos e eu, que gosto tanto de fazer anos.
Este ano já são 35 (TRINTA E CINCO), se eu pensar bem, parece-me que já vou a meio "disto", será possível? Pelos vistos sim...ou não...pode ser mais ou até menos, porque se há coisa onde não mandamos é mesmo no dia em que nos finamos.
Bem, mas, falando de coisas boas, vou de férias, na minha semana de aniversário, quero mesmo é estar de perna estendida a atender os vossos telefonemas e a ler a as vossas sms.
Ah pois é! Venham eles, os 35!!!!

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

E não é que recomecei o blog mas nunca mais escrevi nada?!?

Que parva que sou, então recomecei o blog e nunca mais escrevi?
Não pode ser assim!
Vou ter de mudar isto!
Vamos lá: um post por dia!

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Férias! Férias! Férias!

Este verão tive 2 semanas de férias, que souberam a muito pouco.
Este mês de outubro, lá para os dias perto do meu aniversário, vou ter mais uma semana (e uns dias) de férias.
O tipo de destino está traçado mas, ainda não marcado, sendo este um assunto a tratar nos próximos dias.
O que é facto é que estou oficialmente em contagem decrescente para as férias.

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

O passar do tempo

O tempo passa cada vez mais rápido.
Os dias correm e as semanas correm ainda mais depressa.
Mais dia menos dia, já estou com 35...
Será que não há um botão para "isto" andar mais devagar?!
Será que só cá em casa é que damos por esta correria?

Agora, querem-se rir?
Sabem quando concluo que já passou mais uma semana? Quando faço uma coisa que faço todas as semanas: limpar a casa de banho!! Verdade, cada vez que limpo a casa de banho e mais concretamente a zona do duche, grito para dentro: já passou mais uma semana!!!!

A sério, se souberem como isto passa mais devagar, avisem; mas, eu desconfio que se aproveitarmos a vida ao máximo, ela reduz um pouco a velocidade.

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Cá estou eu de volta

Quase dois meses depois (vergonhoso), e como prometido, voltei.
Realmente, a campanha eleitoral deu-me mesmo muito trabalho, era o site e o facebook para alimentar, eram as reuniões, era o contactar com as pessoas diariamente na rua, ou seja, isto de não fazer campanha só na última semana antes das eleições, dá mesmo muito trabalho.
E não é que ganhámos outra vez?
Vitória muito suado e cujos resultados revelaram que temos de trabalhar muito nos próximos anos, oh se temos!!!
Bem, a partir de hoje, caros leitores, podem voltar a contar comigo!!!

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Tenho um blog que deveria alimentar diariamente

Mas, tenho andado muito longe de o fazer.
A preguiça tem sido muita, a falta de ideias também e outras coisas que fazer, igualmente.
Até 1 de outubro, não se espera que o trabalho abrande, antes pelo contrário, pelo motivo que todos sabemos.

Por outro lado, como sabem, já tive duas semanas de férias que se resumiram a algumas limpezas e arrumações e uma ida à praia.

No entanto, férias "à séria", ainda não tivemos e prevemos que isso aconteça lá para o final de outubro, num sítio calmo e livre de preocupações.

Amanhã é sexta feira e inicia-se o penúltimo fim de semana de abertura da cafetaria, um dos projectos do ano de 2017.

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

quarta-feira, 26 de julho de 2017

A vida que nem sempre é fácil

Estou de férias, desde dia 18.
Tínhamos uma casa para pintar e limpar.
Até hoje, pintámos e limpámos um quarto e duas casas de banho.
Já adiámos a pintura da cozinha para outubro.
Já tínhamos decidido antes que não iríamos pintar o último piso e falta-nos pintar um quarto (o qual estou a despejar hoje).
Amanhã tenciono ir à praia, provavelmente pela primeira e última vez, este ano.
Temos estado nos fins de semana, na cafetaria.
Tenho dormido muito.
Temos comido bem e experimentado novas receitas.
Tenho trabalhado muito em prol deste concelho com cujos destinos estou envolvida, e cada vez mais, desde os meus 18 anos.
Tenho deixado o meu MDM bastante de lado, mas, isso terá de mudar.
Terça-feira regresso ao trabalho num misto de emoções, entre o apetecer muito e não apetecer nada.
Estamos em julho e o calor, que eu detesto, tem sido muito.
Tenho pensado em muita coisa para escrever aqui mas nem sempre tem havido oportunidade.
Um dia destes, decidimos fugir por umas horas e fingir que estávamos em plenas férias, longe de tudo e de todos mas, depressa voltámos à realidade mas, deu para desfrutar um pouco.
Volto aqui muito em breve!

segunda-feira, 17 de julho de 2017

domingo, 16 de julho de 2017

Férias e limpezas

Não há volta a dar, a tinta está comprada, há meses, em promoção e o escadote, emprestado, também já mora lá em casa.
Vou limpar, pintar e destralhar, muito, espero eu :)

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Os últimos dias (a precisar de umas férias descansadas)

Se o último post tinha a ver com o facto de me sentir fresca que nem uma alface, esse estado de espírito mudou, nos últimos tempos.
Estou mesmo a precisar de descansar, sobretudo a cabeça.
No entanto, nos próximos tempos, nada disso me parece fácil.
Estou a contar os dias para estar de férias, será a partir de dia 18, mas, espera-me uma casa para pintar, assuntos para meter em ordem e muito trabalho para a campanha das autárquicas para fazer.

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Fesca que nem uma alface

O sono é uma coisa muito complexa.
Eu preciso mesmo muito de dormir, já o referi aqui e não será esta a última vez.
No entanto, esta noite, deitei-me muito depois das 2h; pensei: amanhã de manhã, vai ser mortal.
Mas, eram 6h da manhã quando acordei e pareceu-me que tinha dormido imenso, e não as 3h que tinham passado.
Acordei hoje muito bem com o despertador, por incrível que pareça!
O sono é mesmo uma coisa incrível e que não controlamos.

terça-feira, 27 de junho de 2017

Férias

A meados de julho, conto entrar de férias, se tudo correr bem.
Serão umas férias solitárias, uma vez que o Marquinho estará a trabalhar.
No entanto, ainda mantenho a esperança de poder sair uns dias de Montemor, nem que seja para mudar de ares e dar uns mergulhos numa piscina.

Assim, e uma vez que já vivemos três anos e meio nesta casa (se as contas não me falham) e nunca mais foi pintada, parece me que o pincel e a tinta serão os meus melhores amigos, durante as férias.

Mas, o meu grande objectivo será mesmo o de destralhar.
Eu sou mesmo daquelas pessoas que guardam tudo e ainda levam tudo e mais alguma coisa para casa.
No entanto, não se sabe o dia de amanhã, em nenhum sentido, e preciso mesmo muito de destralhar muita coisa cá em casa.

Venham as férias para podermos destralhar!!

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Ainda a PT.17


"Trampolim para o mundo com dois anos de criação português"

Para ler aqui.

quinta-feira, 22 de junho de 2017

PT.17

Para mim, a PT.17, começou dia 25 de maio, dia em que fizemos a conferência de imprensa, em Lisboa.
Para mim, a PT.17, ainda não terminou, ainda há muita coisa por fechar, apesar de ser um trabalho um pouco invisível.
A PT.17 foi um festival que contou com 60 programadores, 21 apresentações, 120 artistas, 54 colaboradores, 5 espaços de apresentação (2 novos), 1320 refeições, 4 dias, 10 membros do júri, 12 novos parceiros, 1 nova imagem e novos conceitos para o Futuro.

Foram dias de muito trabalho e de muitas emoções.
Esta foi a minha 3ª PT, fiz a primeira em 2013 e a segunda em 2015.
Uma vez que já estou n'O Espaço do Tempo há cinco anos, as minhas tarefas nas PT's têm aumentado de PT em PT.
Esta foi mesmo dura, em termos de trabalho e de responsabilidades.
No entanto, o meu maior trabalho, foi mesmo o de "alimentar" todas as pessoas que passaram por este nosso festival.
Posso considerar que foi uma tarefa bem sucedida mas, nunca fácil.
Esta "arte" de alimentar pessoas, chegar aos seus gostos e, sobretudo, controlar quantidades, herdei do meu pai. Sempre o ouvi dizer: antes sobrar do que faltar, e é assim que tenho feito aqui, n'O Espaço do Tempo, em equilíbrio com as contenções financeiras próprias de uma associação como a nossa.
E pronto, no dia de hoje, ainda estamos em conclusões e arrumações deste nosso grande festival em prol dos artistas portugueses da dança, do teatro e da performance, cheio de odisseias e emoções próprias de um evento desta natureza.

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Prometo

Estou quase de volta!

terça-feira, 16 de maio de 2017

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Sobre o Festival

Eu felizmente e ao contrário de muitos, conheço o Salvador Sobral, desde 2015.
Tive o privilégio de o ter a abrir o Festival Lá Fora, em Évora, com o Júlio Resende ao piano.
Conheci-os aos dois bem como conheci a Ana Paulo, simpática e querida produtora do Salvador.
Gostei dele desde que o conheci e segui-o desde aí.
As redes sociais permitem, hoje em dia, poder seguir os nossos artistas preferidos.
Fiquei feliz de o ver ganhar o Festival em Portugal e ainda mais de o ver ganhar, no sábado, o Festival da Eurovisão.



sexta-feira, 12 de maio de 2017

Imagens bonitas de Montemor



Terreiro da Igreja de São Tiago, Castelo de Montemor

foto de Isabel Milhanas Machado

quinta-feira, 11 de maio de 2017

TEMPO TEMPO TEMPO E TEMPO

O tempo é uma coisa que corre muito depressa.
O tempo é uma coisa muito preciosa.
O tempo é uma coisa que tenho cada vez menos.
O tempo faz-nos mesmo muita falta.
O tempo é também uma coisa que não conseguimos controlar!
Eu precisava de muito mais tempo para poder fazer tudo, tanto no trabalho, como em casa!
Não está fácil controlar esta falta de tempo.

segunda-feira, 8 de maio de 2017

a nossa cafetaria

pois bem, a nossa cafetaria já abriu, como sabem, dia 1 de maio.
está a correr bem, temos atingido todos os objectivos, agora, só nos resta continuar a caminhada, até ao final de agosto!
conto com todos os meus amigos!

sábado, 6 de maio de 2017

Miguel

Hoje, dia 6 de maio de 2017, faz 20 anos que me tornei madrinha. 
O afilhado mais lindo comemora hoje 20 anos. 
Parabéns afilhado Miguel Neto
20 anos que passaram a correr. 
20 anos de de um bonito rapaz, excelente aluno, óptimo desportista, grande sportinguista e mais recentemente um rapaz namoradeiro e um universitário aplicado. 
20 anos a aprender a ser madrinha, tarefa nem sempre fácil.
20 anos que valeram muito a pena!! Venham muitos mais 20 e digam lá se o rapaz não é bonito?!
Mais uma vez, parabéns e um óptimo dia, mesmo que à distância, celebra-os da melhor forma que conseguires.



terça-feira, 2 de maio de 2017

Maio


Quero mudar o meu cabelo

O meu cabelo está péssimo.
Pintei-o em dezembro e agora, com o crescimento, está bem feiozito.
Por agora, não vou pintar, preciso de cortar, resta saber se só as pontas ou se um corte radical, como eu gosto.
Se corto, arrependo-me sempre,  porque demora a crescer, se corto só as pontas, não há mudança visível.
O cabelo é uma parte do corpo, digamos assim, que nunca agrada, se tem volume, tem volume, se é liso, é liso, se é preto, deveria ser loiro, enfim, nunca estamos satisfeitos mas, há coisas que se podem mudar e outras que não, o meu cabelo escorrido é um caso com poucas ou nenhumas soluções.

segunda-feira, 1 de maio de 2017

Então e o tempo?

O tempo, é uma coisa que me tem faltado.
Como o trabalho tem sido muito, quando chego a casa, só quero enfiar-me na cama e pouco mais.
No entanto, há projectos e obrigações que ficam para trás.
Apesar de tudo, este fim de semana, dei conta de alguma quantidade de roupa que tinha por passar.
Consegui arrumar a roupa de inverno e trazer "para cima" a roupa de verão.
Agora que vou ter (ainda) menos tempo, com a abertura da cafetaria, vou ter de ser disciplinada e organizada porque, por exemplo, tenho de cozinhar, não posso andar a comprar pizzas e frangos assados com muita frequência; cozinhar é mesmo uma tarefa que deixo para trás com frequência.
Não sei se seria melhor ou pior se os dias tivessem mas horas mas. isso, nunca saberemos.

domingo, 30 de abril de 2017

A minha Lígia

A minha Lígia é uma amiga que guardo, dos tempos da Universidade.
Conhecemo-nos em Tomar, corria o ano de 2001.
Eu e a minha Lígia, ajudámo-nos muito, durante esses tempos, em muitos aspectos.
Foram tempos óptimos e dos quais eu tenho muitas saudades.
Tivemos afastadas por alguns anos  mas decidimos há uns tempos meter tréguas nesse afastamento.

As coisas que eu aprendi com a minha Lígia:
- a não usar açúcar em chá e café
- a usar pensos diários
- a levar para casa os pacotes de açúcar que vem no café e que não colocamos
- a gostar do perfume Light Blue  da DOLCE&GABBANA
- saber perder a jogar à sueca (tirámos ambas uma licenciatura em sueca)
- entre tantas e tantas outras coisas


sábado, 29 de abril de 2017

E o que tenho feito?

Pois bem, a noite mais bonita da cidade aconteceu, ao mesmo tempo que os nossos amigos nos vieram visitar.
No trabalho, não tem havido tempo para respirar.
Em parte, a falta de tempo para respirar, deve-se à abertura da Cafetaria/Bar d'O Espaço do Tempo, dia 1 de maio.
Estão todos convidados!



domingo, 23 de abril de 2017

Os últimos dias e a noite mais bonita da cidade

Hoje foi dia de passeio.
Fomos com os nossos amigos ao Cromeleque dos Almendres e a Évora.
Amanhã, vamos ao Alqueva e a Monsaraz.
À noite, vamos celebrar a noite mais bonita da cidade.
Viva o 25 de Abril!!
No Cromeleque dos Almendres

Templo Romano de Évora

Sé de Évora

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Como têm sido o sido os últimos dias e como serão os próximos

Fomos passear.
Fomos a Tomar, ao Castelo de Almourol, a Constância, a Dornes, à Sertã, a Vila de Rei, ao Sardoal e a Abrantes.
Dormimos muito, comemos bem, vimos coisas novas e fizemos compras, como não poderia deixar de ser.
Voltámos a casa com muitas saudades do nosso Óscar e ele com muitas saudades nossas.
Assim que desfiz a mala, fi-la novamente uma vez que amanhã vou até à cidade berço comemorar o 60º aniversário do meu chefe.
Volto a casa na sexta, para receber os amigos que vêm de Aveiro passar uns dias ao Alentejo e viver o 25 de abril.
Dia 26, espero estar de volta ao trabalho, porque há mesmo muito que fazer.

segunda-feira, 17 de abril de 2017

quarta-feira, 12 de abril de 2017

Vamos passear!!

Lembram-se deste post?
Pois bem, este fim de semana vamos passear.
Vamos para um sítio lindo e que gostamos muito.
Esperamos ter direito a um pequeno almoço digno das nossos desejos, uma boa cama, que permita um bom sono e banhos relaxantes.
Vamos conhecer novos locais e viver experiências novas.
Depois conto e coloco fotografias!

terça-feira, 11 de abril de 2017

5 anos n'O Espaço do Tempo

Hoje faço 5 anos n'O Espaço do Tempo.
Como de costume, fiz um bolo, desta vez, foi um bolo de mel. Está muito bom, já provei, tão bom como têm sido estes meus últimos cinco anos.
Aproveito para agradecer a todos os que me proporcionaram esta magnífica experiência: ao Rui e à Nanica ao João Paulo Santos que foi a pessoa que me escolheu para trabalhar n'O Espaco do Tempo, como todos sabem; a todos os meus colegas que tanto me ajudaram e ensinaram (e espero que continuem), os actuais, e os que por lá passaram mas, não posso deixar de destacar a Ana, a Pia, a Carla Santos, a Carla Pomares, o Tiago e o Pedro.
Não me posso esquecer de todos os artistas que têm passado pel'O Espaço do Tempo, ao longo deste tempo e que tive privilégio de conhecer e de com eles partilhar experiências e emoções.
Estou também muito grata aos vizinhos de baixo: Manuela, Mimi, Mafalda, Zilia e Carlos, que me aturam, ensinam e ajudam, sempre que preciso.
Foram, e continuarão a ser, tempos fantásticos, com as suas alegrias e tristezas próprias mas com um saldo completamente positivo.
Venham muitos mais anos, muitos mais artistas e muitas mais gargalhadas.
Ah, agradeço ao meu estagiário favorito, por me aturar e encher de chocolates, dia a dia, obrigada, Jackson, continua a gostar muito de nós, por favor!!
Por fim, agradeço ao meu marido, Marco, por fazer a limpeza em casa quando eu não estou, têm sido muitas vezes mas é porque o meu trabalho é gratificante e não me importo de trabalhar quase 30 dias por mês e quase 365 dias por ano (excepto quando estou de baixa ou de mesmo de férias).
Obrigada e não se esqueçam de comer bolo.

domingo, 9 de abril de 2017

O que a vida nos trás e o que a vida nos tira

A vida dá-nos muito mas, também nos tira muito e, por vezes, demasiado, mesmo.

A própria vida é uma dádiva, conseguir-se viver é uma dádiva, uma vez que há pessoas com falta de saúde e com graves limitações que não conseguem viver.

Isto tudo para dizer que a saúde é sempre o mais importante na vida das pessoas, quem não a tem é que sabe dar o devido valor.

Mas, vamos ao que a vida nos dá: família, amigos, trabalho, casa, momentos tranquilos, conhecimento, bens materiais, chatices e cabelos brancos, experiências, alegrias e tristezas, entre muitas outras coisas.

E que a vida nos tira? família que parte, amigos que nos desiludem, bens materiais que perdemos ou que têm de deixar de ser nossos e tantas outras cosas que nos entristecem.

Este texto poderá estar sempre em actualização!!

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Vamos falar de beringelas

Aprendi de a gostar de beringelas quando o meu amigo Emanuel as cozinhou, pela primeira vez, lá em casa, há cerca de um ano.
A receita que acabei por replicar era basicamente vegetariana, com queijo e nozes.

De há uns tempos para cá, comecei literalmente a transportar umas beringelas recheadas, diferentes das que eu costumava fazer; resolvi pedir a receita e estou rendida: beringelas recheadas de atum, com tomate e queijo ralado, no fundo, muito semelhante a uma pizza mas com uma base diferente!

terça-feira, 4 de abril de 2017

segunda-feira, 3 de abril de 2017

domingo, 2 de abril de 2017

A minha vida é um espectáculo constante e vários passeios

Em duas semanas, cumpri dois dos objectivos que tenho todos os anos: a peregrinação à Nossa Senhora dos Castelos e o passeio anual do MDM.
Hoje foi o dia do passeio, saímos às 8h30m e fomos até às Caldas da Rainha, onde almoçámos.
Depois de almoços, rumámos até Obidos que estava demasiado confuso para o meu gosto, à conta do Festival do Chocolate.
Por fim, a cereja no topo do bolo: o Budda Eden, cuja visita vale mesmo muito a pena, recomendo.
No regresso a casa, ainda pudemos observar os balões de ar quente que se passeavam nos céus de Coruche.
Um dia bem passado, éramos 49 mulheres!!

quinta-feira, 30 de março de 2017

Detox de primavera

Todos deviamos fazer alguma coisa assim ou adaptar.
Eu, por mim, estou a tentar cumprir!

Para ler aqui.

quarta-feira, 29 de março de 2017

Palavras bonitas de um pai para uma filha:

“quando vires que o autocarro vai para o destino errado, sai! passa sempre outro autocarro [mesmo que pareça que não]. podes mudar mil vezes, importante é chegar onde queres.”

Foi tirado daqui:  http://diasdeumaprincesa.pt/2017/03/39-anos.html

terça-feira, 28 de março de 2017

Os últimos dias

No sábado, ainda acabámos a jantar com uns amigos lá em casa, que óptima forma de comemorar os 8 anos de namoro: entre amigos que nos acompanham há 8 anos.
No domingo, tive a minha peregrinação anual, foi a 11ª edição. Decorreu debaixo de chuva constante, todo o dia. Para mim foi fácil porque fui a conduzir o carro de apoio.
Mais uma etapa ultrapassada, agora só falta nos próximos dias, o almoço de confraternização.
Ontem foi dia de moleza, apesar de gostar de segundas-feiras, ontem não foi fácil.
Hoje já me sinto com mais energia e com vontade de fazer coisas!

sábado, 25 de março de 2017

8 anos

Hoje fazemos 8 anos de namoro, tudo começou a 25 de março de 2009, e dura até hoje.
Desde que casámos, passámos a dar mais importância à data do casamento mas nunca esquecemos este (também) nosso dia.
Hoje, como é sábado, ainda podemos comemorar melhor o dia em que tudo se iniciou.
Parece que foi há muito tempo mas foi só há 8 anos, 96 meses, 2880 dias e 69120 horas que passámos juntos.
A caminhada não tem sido perfeita, nenhuma é, mas, já passámos por muita coisa juntos, umas boas e outras menos boas, já construímos muita coisa juntos e já descobrimos mais ainda, sempre juntos.
Obrigada meu querido Marquinho por estes 8 anos juntos!

amanhã será assim: